Translation language

Total de visualizações de página

Follow by Email

terça-feira, 10 de novembro de 2009

MEU AMOR BOÊMIO


ME CONSOME A ANGUSTIA POR QUERER-TE,
DEVES ESTAR AGORA EM UM BAR DAQUELES QUE CHEIRAM Á FRITURA E BEBIDA BARATA, SE DIVERTINDO COM MERETRIZES DO MAIS BAIXO CALÃO E SORRINDO, E CANTANDO E VIVENDO...
ENQUANTO EU, EU ESTOU AQUI A DEFINHAR DE ANGÚSTIA .

VAIS CHEGAR, JUNTO COM A MADRUGADA A ESPULSAR DO CÉU A LUA,
ASSIM TAMBÉM FARAS COM MEUS SONHOS, ENTRARÁS POR AQUELA PORTA CANTAROLANDO ALGUM SAMBA BOÊMIO QUE APRENDESTES COM SUAS COMPANHIAS, ENQUANTO EU VIRAREI PARA O LADO DESEJANDO EVITAR-TE.

FINGIREI DORMIR, NÃO SUPORTAREI SENTIR O CHEIRO DELAS, A TANTAS AMASTES ESSA NOITE, MENOS A MIM.
NÃO ME IMPORTAREI SE TOCARES OS MEUS CABELOS SOLTOS, ÚNICA CARÍCIA QUE ME RESTOU, JÁ QUE TE VERTESTES EM PRAZER PARA ELAS, MALDITAS ELAS!

SINTO A RESPIRAÇÃO DESCOMPASSAR A CADA VOZ QUE OUÇO NA RUA E JULGO SER A TUA,
IMAGINO O ESTADO QUE TE ENCONTRAS, TODO DESFEITO DE SUA CLASSE E PUDOR,
CAMBALEANTE E ALEGRE SEM MOTIVO, SORRINDO E DESEJANDO BOA NOITE À TODOS QUE NÃO ESTÃO DORMINDO.

PORQUE NÃO CONTINUAS COM SUAS AMÁZIAS?
NÃO É NECESSÁRIO QUE VOLTES PARA CASA,
FIQUE NO TEU MUNDO DE LIBERTINAGEM E ESQUEÇA QUE TENS CASA E UMA MULHER, SUA VERDADEIRA MULHER, QUE ACORDADA ESPERA POR TI, QUE SEMPRE CHEGA DE BRAÇOS DADOS COM TUA “LIBERDADE”.

JÁ ME DECIDI, NÃO QUERO MAIS ESSA VIDA,
VOLTAREI PARA O LAR DO QUAL ME TIRASTES COM FALSAS PROMESSAS DE AMOR ETERNO,
LÁ SOFREREI SUA FALTA, NÃO A DOR DA TRAIÇÃO,
SEREI LIVRE PARA RECOMEÇAR AO LADO DE UM NOVO CORAÇÃO...

MAS SEMPRE QUE PENSO ASSIM E TU ENTRAS POR AQUELA PORTA SINTO-ME FRACA PARA DEIXAR-TE
E ASSIM, MAIS UM DIA COMEÇARÁ, E EU O AMAREI COMO NUNCA
E QUANDO A NOITE NOVAMENTE CHEGAR, SERÁS DELAS, BEBENDO E SORRINDO EM UMA MESA DE BAR.


RAQUEL LUIZA DA SILVA.

Nenhum comentário:

Postar um comentário