Translation language

Total de visualizações de página

Follow by Email

quinta-feira, 29 de setembro de 2011

Adeus...





E de repente apaga-se o brilho nos olhos,
Guarda-se o sorriso para uma próxima ocasião,
As palavras já mudas, adormecem na voz calada,
O poema repousa no fundo escuro do bolso do velho casaco,
E a vida segue seu rumo,
Como se a dor que o coração sente fosse apenas mais um momento,
Momento sem brilho, talvez...
Perdido na desilusão da triste palavra...
Adeus...


Raquel Luiza da Silva,

Nenhum comentário:

Postar um comentário